Sunday, May 29, 2011

Viajando Dodói

Eu nunca tinha ficado doente em viagem antes. Normalmente, assim como nessa viagem, levamos uma mini-farmacinha junto: aspirina, termômetro, paracetamol, tylenol, remédio contra diarréia (Fortasec - compramos na Espanha), antiséptico, band-aids e afins.

Dessa vez, porém, um dia antes de viajar, me deu diarréia na Alemanha. Eu achei que tinha comido algo estragado, e segui a receita de uma amigona minha que normalmente dá certo: palitinho salgado e coca-cola (a normal). No dia da viagem, tomei um comprimido contra a diarréia. Almocei sanduíche, e jantei sopa + peixe. No dia seguinte, de tardezinha, aaaaaaaaaaargs: achei que meu estômago e intestino iam ficar na Islândia pra sempre :-) E assim foi por 6 dias: às vezes melhorava, às vezes piorava. O que nos deixou mais tranqüilos é que eu nao tinha febre, nem saía sangue (nesse caso, teríamos procurado direto um hospital). E outro aspecto que ajudou a viagem foi que minhas crises de diarréia eram normalmente pela manha e pela noite - o que deixava o dia livre para passeios :-D O inconveniente era a comida: o que comer nesse caso? De manha, eu comia torrada (sem nada) e tomava chá. Mas durante o dia nao era fácil: dependendo de como eu me sentia, eu comia palitinhos salgados, ou bolacha água e sal, ou maca, ou banana. Eu tentei sanduíche com queijo, mas nao desceu bem (ou melhor, desceu bem demais, hehehe). Algo que nós nao encontramos em nenhum restaurante, e que eu normalmente como em casa quando estou com diarréia, foi arroz. A única variacao era risoto, mas também nao me fez bem. Um outro fator importante, além da comida, é o líquido (para evitar desidratacao) - e dá-lhe garrafinha de água e coca-cola o dia inteiro :-)

Em Seydisfjordur, resolvemos ir no médico para ver se havia algo que pudesse ser feito para que a chata da diarréia passasse de uma vez. O médico ficava no hospital da cidadezinha. Algo curioso é que, para entrar no hospital, era necessário tirar os sapatos. Nós nao nos demos conta e fizemos a gafe de entrar de sapatos (que nao estavam sujos). Mas lá dentro estava todo mundo ou de crocs, ou de meias! Ninguém nos falou nada, mas da próxima vez a gente sabe :-) O médico que nos atendeu foi super gentil. Quando conversamos com ele, dissemos que eu havia tomado um antibiótico há duas semanas atrás (para a picada inflamada perto do meu olho). E esse foi provavelmente um dos fatores que fez com que minha diarréia durasse tanto: uma bactéria importante no intestino provavelmente foi aniquilada pelo antibiótico. Receita simples para restaurar a ordem: acidofilus (compramos no supermercado. Usado para restaurar a bactéria) e Imodium (pílula para parar a diarréia). E dica: quando a diarréia demora muito tempo para passar, melhor do que refrigerante (que possui gás e pode causar mal-estar se consumido em grandes doses) sao as bebidas isotônicas (que eu odeio!), mas que ajudam a repôr a perda de líquido e minerais. E nada de queijo ou produtos com leite (com excecao do iogurte), ou acucar!

Conforme o médico, como meu caso era simples, ele nao cobrou consulta. Que queriiido :-)

Meu cardápio: bolacha água e sal, bebidas isotônicas, iorgurte, LGG (tipo actimel - também ajuda a repôr a bactéria que falta) e banana (que regula o intestino)

Tomando o acidophilus três vezes por dia, a intensidade da diarréia diminui. Mas continuou por mais 6 dias! A suspeita é que talvez eu tenha pego EHEC (há vários casos atualmente na Alemanha), porque 13 dias de diarréia eu definitivamente nunca tive antes! Por sorte, mesmo que eu tenha tido EHEC, meu caso nao foi dos mais graves (apesar da diarréia, eu estava bem e pululante), entao tudo acabou bem e pudemos desfrutar a viagem intensamente (de maneira light, mas intensamente :-) ).

P.S. Nada de entrar de estômago vazio nas piscinas ou banheiras de água geotérmica. Num dos dias que eu nao tinha comido quase nada, fui para uma banheira ao ar livre com namorido e quando saí da água quente, simplesmente perdi consciência e caí graciosamente nos bracos de namorido (cair graciosamente = desabei). Mas nada que perna pra cima + prato de sopa de peixe com paozinho + um copo de coca-cola nao tenham resolvido :-) E licao aprendida: de estômago vazio nao se entra em banheira ou piscina de água quente :-D

E chega de xurumelas (ou lenga-lenga :-) ). O resto da viagem foi relativamente tranqüilo. Pelo menos no quesito saúde :-D Mas isso é assunto para outro post :-)

3 comments:

Jo Ann said...

Bem, um dia mais, na volta teriam de adiar a viagem por causa das cinzas, hehe.
Pena que estavas doente durante a viagem, mas ó que doença civilizada! Manhã e noite! :-)

Live from Germany said...

Menina, que susto! Nao é nada legal passar mal enquanto estamos viajando. Em casa já nao é bacana, imagine quando estamos mais é querendo bater perna e comer coisas gostosas!
Que bom que pelo menos vc conseguiu aproveitar a viagem!
Depois poe as fotos pra gente!:-)

Camila said...

Espero que já tenha passado... E que bom que dessa vez deu pra ir à Islândia! Estou curiosa pra ler os próximos posts. Beijocas!