Sunday, June 13, 2010

Próximo Destino: Sundsvall

De Gimo partimos para a próxima cidade do nosso roteiro: Sundsvall. Primeira parada: Gävle (estrada 292 - E04).

A estrada era normalmente assim: muuuuuito verde de ambos os lados...

... com placas de velocidade em fundo amarelo (ao invés de branco. Alguém sabe por que? É por causa da neve?)...

... e muitos, muitos radares de controle de velocidade pelo meio do caminho!

Gävle, nossa primeira parada, foi destruída por um incêndia em 1869 (de acordo com o wikipedia, de uma populacao de 10.000 habitantes, 8.000 deles perderam suas casas para o fogo). Também dá para entender o porque: as casas eram todas de madeira, e construídas uma pertíssimo da outra. Pegava fogo em uma, o resto tudo queimava. Em Gävle, a reconstrucao da cidade tomou em conta esse fator e contruiu grandes avenidas assim como muitos espacos verdes protegendo um bairro do outro (caso algum fogo acontecesse novamente). Da cidade antiga, algumas casas de madeira se salvaram, e é possível vê-las na Gamla Gefle (indo pela rua Gammelbroplan, por exemplo).

Parque na cidade de Gävle...

... com a prefeitura de um lado...

... e o teatro da cidade de outro.

Casas antigas...

... na Gammelbroplan.

Pareciam casinhas de bonecas...

... com jardinzinhos muito lindinhos :-)

De Gävle, continuamos mais um pedaco pela auto-estrada E04, e entao pegamos estradas secundárias. De acordo com o nosso mapa, havia várias rotas cênicas pelo caminho. Em muitos lugares nao havia acostamento para parar o carro e tirar fotos (tadinho de namorido!), mas as estradas secundárias têm paisagens muito lindas e estávamos a todo momento fazendo 'aaaaahhh' e 'ooohhhh' e 'olha que lindo!' :-) O primeiro trajeto foi na estrada 83 de Tönnebro até Ljusdal.

A Suécia é cheia de grandes e pequenos lagos que sao o charme da paisagem


O sino...

... das ruínas de uma igreja (Skogs Kyrkoruin).

Em Järvsö paramos para o almoco num lugar que descobrimos por acaso: Stenegard. O restaurante tinha um buffet de almoco que estava uma delícia (por um preco mega camarada): as mega deliciosas potatis, peixe com um molho de queijo, e o buffet de saladas (que incluía melancia!!!), além de cafezinho e pedacinhos de bolo.

Detalhes da fazenda...

... de Stenegard.

A casa principal (que hoje abriga o restaurante): por fora...

... e por dentro.

Almoco: salada, potatis (nao sei se deu para perceber, mas adorei a palavra potatis :-) ) e peixe

Água aromatizada sabor limao Loka :-) (Marcinha, nao experimentei as águas da Ramlösa... vai ficar para a próxima, obrigada pela dica :-) )

As xícaras eram todas diferentes e de colecao: deu um tchan no cafezinho :-)

Ainda no caminho, parada rápida para tirar foto da igreja antiga em Ljusdal

De Ljusdal seguimos pela estrada 84, entramos na 305 e aí pegamos uma micro estradinha até a 307.

Lindas paisagens...

... com o azul do céu, o azul do lago, e a primavera desabrochando!

No meio do caminho, uma fábrica de carvao: Movikens Masugn. Infelizmente estava fechada para visitacao (só está aberta em junho, julho e agosto)

A micro estradinha: era, literalmente, no meio do nada. Com muitas curvas, sem ser asfaltada...

... e com colinas que nao dava para ver nada: será que vem um carro na outra direcao? Acho que nao :-)

No fim da estradinha, um rio com corredeiras: vontade de pegar um pneu de caminhao inflado e fazer um raffting improvisado :-)

Depois da estrada cênica, voltamos para a auto-estrada E04 e fomos direto para Sundsvall.

No caminho, várias dessas chaminés estilo parafuso. Alguém sabe por que?

Ficamos novamente num hotel Elite (a mesma rede do de Helsingborg). Os hotéis dessa rede normalmente ficam em prédios super pomposos, mas os quartos sao bem normais e, pelo menos fora da estacao, o preco era super bom.

Elite Hotel Knaust - o tchan do prédio, datado de 1890, é a famosa escadaria de mármore carrara

Escadarias vistas de cima - parecia mais uma ópera do que um hotel

Quarto nr 158, com vista para a rua

Como bateu uma fominha, repartimos um bolo de maçã antes de explorarmos um pouco mais a cidade :-)

Bolo de maçã com molho de baunilha no café em frente ao hotel

Uma das atracoes da cidade é o Museu Open Air (Packhusgatan 4) que fica no topo de uma colina. Infelizmente ele já estava fechado quando chegamos. De qualquer modo, do lado do museu, há uma torre enorme com vista panorâmica. Entao, nada como váááááários degraus escadaria acima para se exercitar depois de um dia inteiro sentada dentro do carro. Lá de cima, pausa para admirar a cidade e arredores, e tirar algumas fotos.


Também demos uma volta pela cidade (antes e depois da janta) para ver os prédios pelos quais ela é famosa. Sundsvall, assim como várias outras cidades suecas, foi vítima de um grande incêndio em 1888. Ela foi reconstruída, e como dinheiro nao era problema (ela é a metrópole do comércio de madeira), investiu-se bastante nos prédios (todos feitos de tijolos, nao de madeira).

Prédios grandiosos...

... por todo o centro da cidade.

E um detalhe interessante: dragoes...

... com diferentes pinturas e estilos :-) Adorei esse com o trailler :-)

Para jantar, fomos no restaurante Mezoyo. No nosso hotel, havia um pub chamado Bishop's Arms (aliás, esse pub tem em todos os hotéis Elite, como fomos descobrir no decorrer da viagem), mas era relativamente barulhento e os precos nao eram muito atraentes. Perguntamos na recepcao se eles teriam outros restaurantes para nos indicar, e o atendente foi bem gentil, recomendando o Mezoyo. Bebidas alcoólicas sao muito caras na Escandinávia, entao pedíamos, no máximo, um copo de vinho. Mas o preco da comida foi super razoável!

A atracao era o aquário enorme ocupando uma parede inteira do restaurante

Oi, peixinho!

Mesas e...

... bar do restaurante.

Minha entrada (que estava ótima!!!): färsk sparris, hylad peccorino, svart tryffelmajonnäas & grilad citron
[aspargos, maionese de trufas e limao grelhado (que, grelhado ou nao, era azeedo e ficou no prato :-) )]



Entrada de namorido: tartar pa oxfilé, varprimörer, rostade valnötter, pepparrotsvinägrette & senapskräm
[tartar de carne de gado, raiz forte, e outras coisitas mais]


Nós dois pedimos o mesmo prato principal, que estava delicioso: grillad lax, salsa verde, friterade oliver, tomat & mildkokt vitlökskräm
[salmao grelhado e afins :-) ]

Para encerrar, dois expressos. Depois da janta, demos mais uma caminhada pela cidade e fomos dormir. Férias cansam :-)

5 comments:

Silvinha said...

Adorei o dragão!!! =)

Beijo!

Mary said...

tudo tão lindo!

Anonymous said...

oiiii... nossa, achei aquelas escadas um show!!! as outras fotos tbém estão lindas... bjinhos, Mí

Luciana said...

deu saudade de descer o rio Pardinho num pneu de caminhão.
Podíamos fazer isso qdo vcs vierem de novo, né???

bjs

Márcia said...

Que roteiro lindo Angie!
E teve ate um pedacinho de melancia na refeicao, que luxo!
As tulipinhas estavam um charme!
Bjim
Marcia