Sunday, June 23, 2013

Puzzle Gigantesco

Como presente de despedida do meu emprego anterior, eu ganhei um puzzle enorme, de 6.000 pecas.
Depois de 3 meses ocupada com ele, finalmente terminei. Foi um verdadeiro exercício de paciencia e perseveranca. Quando abri a caixa e vi todas aquelas milhares de pecinhas, pensei com meus botoes: quero mesmo comecar a montar tudo isso? Mas uma vez que eu comecei, adorei o desafio. Teve dias que eu podia ter pego o dito cujo e jogado pela janela - só conseguia montar algumas pecinhas e deu. Outros dias gastei horas na organizacao das pecinhas - separar 6.000 por cores ou beiradas é um trabalho de hoooooras, mas que ajudou um monte na execucao. Mas ver o resultado final foi ótimo: meu primeiro puzzle de 6.000 pecas prontinho depois de muitas horas de execucao (algumas divertidas, outras nao)  :-)

P.S. Qualquer analogia com meu emprego novo nao é mera coincidência. Meu antigo time acertou em cheio no presente ideal para essa minha nova fase profissional :-)
  
Depois de duas semanas de férias em marco, o estado do dito cujo era esse. Depois, com o emprego novo, o ritmo da montagem ficou bem mais lento.
Com 1,65 metros x 1,14 metros, achei melhor montar no chao mesmo.

Voilá - puzzle prontinho!


A parte do meio era relativamente fácil, mas os quadros nas beiradas eram escuros e eu demorei um tempao para acabá-los.


E, sim, eu nao montei sozinha, tive meus ajudantes. Mas eles eu só mostro amanha :-D

5 comments:

Babisenberg said...

Nossa, que legal! Nao sei se tenho paciência pra tanto, mas teria vontade de tentar, um menor pra comecar, o que falta no nosso apê é espaco...

beijo

Silvinha said...

Lindo seu quebra-cabeças, Angie! Paciência extraordinária :)

Beijos e saudades

Unknown said...

Angie!!! Lembra qdo montávamos quebra-cabeças no sótão da casa dos teus pais? Me deu saudades. Vou comprar pro Augusto, ver se consigo um parceiro nele pras montagens. Deu saudades!!! Bjs

Camila said...

Sou apaixonada por mapas antigos e seu puzzle é lindão... ;-)

Taia Assunção said...

Que paciência, definitivamente, não é para mim :-( parabéns!